Pilrito-de-colete

Calidris melanotos

Outros nomes: pilrito-peitoral

O pilrito-de-colete é uma das raridades americanas mais comuns nos Açores e uma das primeiras limícolas neárticas com as quais se “defrontam” os birdwatchers aquando da sua primeira visita ao arquipélago.

Identificação

De tamanho ligeiramente inferior a uma narceja-comum, um olhar menos experiente ou uma observação apressada poderão dar azo a alguma confusão. Sobretudo se observamos as aves pousadas, “de costas”, pois possuem um padrão de plumagem do dorso com algumas semelhanças. Porém, o seu bico é diferente: mais curto, ligeiramente recurvo, e mais claro no pilrito-de-colete. As suas patas são verde-amareladas; o seu ventre é branco e apresenta um visível colete, que se prolonga até ao peito. Em voo imite habitualmente um “qrrrt” (bem diferente do típico “tchuak” das narcejas), sendo visível o uropígio branco, separado por uma lista “longitudinal” ao meio. Outra espécie semelhante é o combatente que, por vezes, causa algumas dúvidas, sobretudo a fêmea durante o período de Outono/Inverno. Em qualquer dos casos, as narcejas (tanto a espécie europeia como a americana) e o combatente são aves bastante mais desconfiadas e inabordáveis que o pilrito-de-colete, permitindo este, muitas vezes, a aproximação do observador a poucos metros de distância.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Abundância e calendário

Migrador de passagem/Invernante. É observado no arquipélago dos Açores nos meses de Verão e, sobretudo, em Setembro e Outubro. Embora com menos frequência poderá também ser observado durante outros meses do ano.

Onde observar

Existem observações em todas as ilhas açorianas, no entanto as probabilidades de ser observado aumentam em alguns locais:

Flores: Ponta do Albernaz, Fajã Grande

Corvo: Caldeirão

Terceira: Cabo da Praia (o melhor local dos Açores para observar esta espécie, onde por vezes se podem onservar mais de uma dúzia de indivíduos), Lagoa do Junco, Lagoa do Ginjal.

São Miguel: Achada das Furnas, Lagoa de São Brás, Fajã de Cima, Sete Cidades.

Santa Maria: Aeroporto, Foz da Ribeira de São Francisco.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s