Porto de Ponta Delgada

Quando entre os observadores de aves aparece a referência ao porto de Ponta Delgada é assumido naturalmente que se fala da zona compreendida entre o cais de (des)embarque de mercadorias e o clube naval. O local será provavelmente o maior spot de São Miguel para a observação de gaivotas, sendo ainda frequente a aparição de limícolas e garças.

Embora demasiado óbvio, é provavelmente o melhor local de São Miguel para a observação de gaivotas

Especialidades: cagarro, garça-real, garça-branca-pequena, rola-do-mar, maçarico-galego, gaivota-de-patas-amarelas, gaivotão-real, guincho-comum, garajau.

Outras espécies: pilrito-das-praias, pilrito-de-peito-preto, seixoeira, pombo-das-rochas, melro, vinagreira, canário-da-terra, lavandeira, pardal-comum.

Raridades: carraceiro, papa-ratos, goraz, pato-preto, merganso-capuchinho, guincho-americano, gaivota-de-cabeça-preta, maçarico-pintado.

Visita: pode começar-se na zona do forte de São Brás, seguindo a pé, sempre perto da margem, na direcção da marina e terminando esta parte do percurso no clube naval. Embora, com o auxílio de telescópio, seja possível observar a zona do cais de
(des)embarque de mercadorias/contentores, tendo tempo, poderá ser proveitoso prolongar – neste caso voltando ao ponto de partida inicial deste percurso – a visita até à recepção da entrada do cais (a partir daqui o acesso encontra-se limitado), fazendo
amiúde algumas paragens para prospectar, não só a área do porto, mas também na direcção do Mar, onde muitas vezes se observam aves marinhas, pousadas ou em voo, ao largo.

Garças e limícolas são uma presença regular na zona

Melhor época: Setembro a Abril

Ilha: São Miguel

Concelho: Ponta Delgada

Aqui perto: ETAR de Ponta Delgada, Fajã de Cima

Anúncios